fbpx

OKR e KPI: entenda o que são e as principais diferenças!

6 minutos para ler

Acompanhar os resultados do empreendimento é essencial para ter um gerenciamento de qualidade e com diferenciação. Nesse sentido, vale a pena utilizar ferramentas específicas, como é o caso das metodologias OKR e KPI.

Embora sejam semelhantes e até confundidas, elas têm propostas direcionadas e muito importantes para o negócio. Com o uso estratégico e adequado, é possível garantir que todas as necessidades sejam atendidas, e novos patamares, alcançados.

Na sequência, vamos mostrar quais são as diferenças entre OKR e KPI e como utilizar esses elementos da melhor maneira. Confira!

O que é a metodologia OKR?

Sigla para Objectives and Key Results, a técnica OKR representa os Objetivos e Resultados-chave. Essa ferramenta serve para definir e alinhar, internamente, os objetivos do estabelecimento.

Ou seja, ela é uma alternativa para pontuar quais são as metas desafiadoras para o negócio, setor ou profissional. Porém, mais que estabelecer uma meta, ela também determina qual é o resultado-chave, ou seja, o que deve ser obtido para chegar ao interesse definido.

Imagine, por exemplo, que a empresa deseje aumentar o faturamento. Entre os resultados-chave, estão a ampliação das vendas em 10%, a elevação do ticket médio em 15% e o crescimento de 5% na fidelização. Se esses resultados-chave forem alcançados, o objetivo também será concluído.

E KPI?

Já o KPI é uma sigla para Key Performance Indicator, ou Indicador-chave de Performance. Parece ser a mesma coisa que o OKR, mas, na verdade, funciona como uma “unidade de medida” dos resultados alcançados.

O KPI serve, exatamente, para quantificar o desempenho e avaliar se ele está dentro da faixa de performance esperada. Com isso, é possível tomar decisões melhores e mais adequadas à estratégia definida.

Em uma analogia, basta imaginar que o KPI é uma espécie de termômetro do cenário da empresa. Ele ajuda a medir a “temperatura”, na forma de resultados, para estabelecer as ações convenientes em cada caso.

Qual a importância de ambas no alcance de metas?

Embora OKR e KPI sejam diferentes, são duas ferramentas que podem — e devem — ser usadas juntas. Enquanto o OKR muda a mentalidade interna, motiva os colaboradores e estabelece resultados para alcançar, o KPI permite medir e acompanhar tudo o que é relevante.

O uso conjugado e correto de ambas faz, especialmente, com que o negócio atinja novas metas. Com uma atuação estratégica, é possível garantir resultados melhores e que atendam às demandas de mercado.

Principalmente, o uso conjugado permite obter um nível maior de competitividade e diferenciação em relação aos concorrentes. Com uma utilização estruturada, o negócio só tem a ganhar.

Como implementar OKR e KPI?

Para incluir essas duas ferramentas na estrutura do seu empreendimento, é essencial adotar alguns passos. Com a atuação correta, será possível explorar ao máximo a abordagem de OKR e KPI e usá-los para melhorar o estabelecimento.

A seguir, apresentamos o que fazer para realizar uma implementação robusta e de sucesso. Acompanhe!

Analise o cenário

Inicialmente, é preciso identificar como anda o desempenho do negócio e quais são as condições atuais. Esse diagnóstico faz toda a diferença para entender quais são as necessidades do empreendimento e o que é mais importante para alcançar o êxito.

Faça uma análise e compreenda quais são os principais gargalos, onde estão as oportunidades e qual é a visão para o estabelecimento. Ao considerar isso, dá para verificar o que deve ser definido como objetivo e como atingir esse cenário.

Um negócio que esteja sofrendo com a queda nas vendas, por exemplo, precisa ter um planejamento capaz de mudar tal condição. O diagnóstico ajuda, exatamente, a garantir esse reconhecimento.

Defina os resultados com clareza

Agora que já dá para ter uma ideia completa da situação, a nossa indicação é transformar tudo em objetivos desafiadores, mas que possam ser alcançados. Nesse momento, é indispensável definir prioridades, para reconhecer quais são os pontos que exigem uma ação mais urgente.

Vamos retornar ao exemplo anterior. Se o negócio tem sofrido com prejuízos e perdas de clientes, o interesse principal é retomar o crescimento. Para isso, os resultados-chave podem ser o aumento nas vendas, a redução dos custos para elevar a lucratividade e a manutenção do relacionamento.

É muito importante que tudo isso seja estabelecido com bastante clareza, para que não ocorram dúvidas sobre o que representa determinado desempenho para a situação da empresa. Quanto mais diretos forem objetivos e resultados, melhor.

Selecione os indicadores certos

Já que a implementação é de OKR e KPI, é essencial contar com os indicadores adequados para cada situação. Eles precisam ser relevantes, de fácil entendimento e de acompanhamento direcionado. Então, veja o que se encaixa em cada objetivo e resultado para acompanhar os melhores.

De volta ao nosso exemplo, considere que o aumento nas vendas é essencial para a retomada do crescimento. Nesse caso, os indicadores podem incluir a taxa de conversão e o número de oportunidades geradas no período, por exemplo.

Quanto ao atendimento de clientes, há a satisfação dos consumidores, o número médio de contatos e até a taxa de recompra. Viu como cada resultado pode ser acompanhado por várias medidas?

Colete e analise os dados

Com tudo definido, basta começar a coletar os dados. Use as ferramentas adequadas, como os históricos de relacionamento com o cliente e outras possibilidades digitais. A intenção é obter o maior número possível de dados que sejam interessantes para cada KPI definido.

Depois disso, é o momento de partir para a análise. Entenda como as informações se relacionam e o que elas significam. Se a taxa de conversão estiver baixa, por exemplo, é sinal de que o time de vendas não tem conseguido convencer as oportunidades.

Com esse entendimento, dá para planejar ações e estratégias para reverter os resultados. Como consequência, o empreendimento poderá atingir o que foi definido como interesse principal.

A união entre as metodologias OKR e KPI é essencial para qualquer negócio que busque mais resultados de maneira estratégica. Com uma implementação de qualidade, é possível garantir que o empreendimento alcance o seu máximo potencial.

Se quiser outras dicas e recomendações para aplicar na sua rotina de gerenciamento, assine a nossa newsletter e receba tudo em seu e-mail!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe uma resposta