Como fazer integração entre setores na empresa?

Uma empresa funciona como um grande organismo, composto por diversos sistemas. Ainda que cada um deles tenha suas próprias funções e responsabilidades, é preciso que todos trabalhem em total harmonia, complementando-se e caminhando para a mesma direção: os objetivos traçados para o sucesso do negócio.

Caso isso não aconteça, vários problemas internos podem ocorrer e fazer com que a companhia enfrente obstáculos de difícil recuperação. Como consequência, até mesmo a falência pode se tornar realidade. Mas, então, como evitar que tais problemas atinjam o processo produtivo da organização?

A resposta está na integração entre setores da empresa, um processo delicado, mas que garante uma divisão justa, sem sobrecarga e pautada em um planejamento que respeite a premissa da companhia. Deseja entender melhor como estabelecer essa proposta e que impacto ela causa entre os colaboradores? Acompanhe este artigo para tirar dúvidas e descobrir como aplicar as etapas dentro das possibilidades que a corporação oferece.

Qual é a importância da integração entre setores na empresa e quais pontos positivos ela agrega?

A integração entre setores de uma empresa é importante por diversos motivos. Em primeiro lugar, é interessante ressaltar que, com essa implementação, é comum perceber uma melhoria expressiva no clima organizacional do lugar. Profissionais se sentem mais valorizados, próximos e alinhados e, dessa forma, ainda mais motivados. A produtividade cresce, enquanto as interações se tornam mais precisas devido a uma comunicação clara e objetiva entre todos.

Além dessa eficácia de linguagem e comunicação, a integração entre setores da empresa estimula a parceria na elaboração de ações e projetos. As áreas conseguem encontrar pontos em comum para trabalhar e desenvolver propostas mais fortes e consistentes de se colocar em prática.

Essa providência também reduz a chance de erros e falhas nos processos internos. Isso porque sistemas integrados têm total consciência acerca do que fazem individualmente. Assim, não há riscos de repetição de tarefas e nem de tomadas de decisões prejudiciais a determinada tarefa ou mesmo à empresa como um todo. Ou seja, uma organização que trabalha em sintonia tem um desempenho geral mais satisfatório e consegue alcançar melhores resultados.

Qual é o verdadeiro impacto dessa transformação?

São mesmo muitas as vantagens trazidas por essa transformação. Porém, ela causa um impacto ainda maior quando se trata dos valores da empresa. A base de qualquer organização é composta por seus funcionários. Por mais que pareça clichê, são eles as engrenagens que movem um grande mecanismo, para que ele se firme no mercado e atenda seus clientes e parceiros com maestria.

Portanto, integrar setores significa fortalecer os valores da organização. É fácil citar transparência e respeito dentro desse assunto, mas ele é muito mais abrangente do que se imagina. Afinal, esses são princípios básicos de convivência dentro de qualquer empresa, não é mesmo? Sendo assim, pense na integração como uma forma de também transformar pessoas.

Em uma nova contratação, o funcionário deve ser informado de que a postura de integração da empresa é forte. Realize sempre avaliações de desempenho, para observar quem realmente está envolvido nesse processo e quem, por algum motivo, não se adaptou. Se identificar pessoas que não contribuem para o fluxo e que criam impasses para que ele aconteça, procure um caminho para explicar que essa falta é grave, assim como o desrespeito e a desonestidade.

O verdadeiro impacto da integração dentro da empresa é justamente fazer com que todos os colaboradores adotem uma postura semelhante, que reflita a vontade de ver a empresa crescer e de fazer parte dessa conquista. Em um mercado exigente e competitivo, sai na frente quem tem uma equipe sólida, que sabe de seu valor, mas que também valoriza seu local de trabalho igualmente.

Como repassar o funcionamento do workflow para colaboradores?

A integração entre setores em uma empresa resulta em um workflow, ou seja, em um fluxo de trabalho corrente. Porém, é fundamental que ele esteja bem claro para seus colaboradores, inclusive para que eles tenham uma boa adaptação a essa nova maneira de executar suas obrigações. Para que isso seja feito de uma maneira bastante expositiva, é possível adotar algumas medidas simples, mas eficientes.

Para começar, registre os processos e demonstre visualmente como todos eles estão interligados. Um mapa pode organizar todos os dados em ordem cronológica e ainda detalhar recursos e gastos de cada ação, para uma melhor compreensão do fluxo. Todas essas informações devem estar disponíveis e em fácil acesso para a consulta da equipe. Mas ela não deve descobrir como interpretá-las por conta própria.

Novamente, a comunicação entra em cena para esclarecer cada tópico definido nesses registros. Uma reunião pode ser agendada para exposição e apresentação dessa análise, assim como dinâmicas de integração contribuem bastante para que o entendimento de como tudo funcionará aconteça na prática.

Não se esqueça de que, nesse momento, o feedback também é uma proposta construtiva. Ouça aquilo que os colaboradores têm a dizer, acolha suas opiniões e sugestões e dê um parecer a respeito da aplicação desses pontos mais tarde. Isso também faz parte da integração da empresa.

Como realizar a otimização do trabalho com base em uma boa solução?

A integração entre setores da empresa só pode se materializar com base em soluções adequadas que tornem sua otimização mais fácil. Ela não acontece, por exemplo, sem uma gestão de processos adequada. É dever do gestor diagnosticar corretamente a estrutura organizacional e definir as funções da equipe conforme suas competências, além de monitorar as etapas da integração e apontar ajustes que, por ventura, sejam necessários.

Sem dúvidas, esse é um processo extremamente delicado. Por isso, a tecnologia pode ser um verdadeiro incentivo para assegurar que a integração entre setores aconteça corretamente. Hoje, existe uma enorme gama de ferramentas que permitem um acompanhamento detalhado da evolução desses dados, de maneira segura, rápida e de acesso simplificado para ajudar em outra gestão importante: a do tempo.

Uma dessas soluções é a Sobix, cuja plataforma trabalha para melhorar processos, aumentar sua vantagem competitiva e registrar um histórico para que você acompanhe o alcance de suas metas e a proposição de novos objetivos quando os primeiros forem cumpridos com sucesso. Entenda melhor sobre como ela atua no fluxo de trabalho de forma a otimizá-lo e mãos à obra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *